How we plan our Eco Wedding

19 de janeiro de 2020

Wedding day prep. Photos by shewalksblog


(Versão em Português segue a seguir abaixo)

We just got married.
We chose to do it just the two of us.
I Explain better about our desire to do something more intimate and personal in this previous publication.

Today I explain How did we create our Ecological wedding.
What were the concepts that we introduze to achieve an ecological marriage with the lowest possible costs for the environment and automatically for us.
I also leave some less wasteful suggestions that can be used at a regular wedding party.

1. Invitations
Since our wedding was for two, invitations were not necessary at all.

But if a wedding party ever takes place actually it is possible to make some more ecological choices such as refusing physical paper invitations. Prioritize digital invitations that can be a much more creative idea. Personally, I would risk creating a video as a couple for a invitation. It ends up being more emocional and unique.


2. Wedding Looks:

The Groom
The groom knew exactly what he was going to wear on our wedding day.
Reuse his favorite suite that was worn at a previous wedding.
It would only make sense for D. to wear his Hugo Boss suit in dark blue, almost made to measure (as it has changed).
His favorite suit that we had the opportunity to choose together at the same time and always the one that always lookded perfectly on him.

The Bride
I always thought that if I ever got married it would be with a corset and a big tulle skirt. But it was never a certain thought.
What I knew was that for the wedding day I didn't need to buy a wedding dress.
I didn't want to spend a lot on a dress that I would only wear a single day.
I thought and thought about a solution... Then I searched for second-hand pieces but they were not my actual taste and personality so I found nothing.
4 days before the wedding day, I decided to take a chance and come up with the idea that came to me.
Create a large tulle skirt from scratch as I always imagined I would use tulle for my wedding.
I tell you, it was not an easy task, it didnt turned out a perfect skirt but I managed to complete and wear the skirt after the civil wedding. (Kinda proud of myself since I made part of my wedding look).
But I still had to decide what to wear on the top ...
In that same space of 4 days I looked at my closet and saw a white fitted dress that I had also worn about 2 times before.
A tight dress that almost makes it look like that same dress has a corset embedded in it.
It was not an obligation for me to marry completely in white, because I thought of other colors, but it turned out to be totally white.
In the end, I ended up going dressed as I always imagined for my wedding day. funny fact.
And the fact of knowing that I spent only about 2 meters of fabric because I reused tulle fabric that I still had and it was only to develop the skirt because the top part I already had it on my closet.
To know that it really was the least possible impact it made me extremely happy!

3. Flowers
We both agreed from the beginning that it would make no sense for us to have flowers for wedding decoration. It would make no sense for us to let so many flowers die for decoration for a single day. 
I also decided not to have a bouquet. 
It was not something that would bring me value (although I really like flowers) but again because it would killed their lives for a single day.
But there was only one accessory that I really wanted to see in myself. A Crown of flowers (fake ones, of course).
I chose not to wear jewelry (because I don't identify myself very much) but as an accessory a crown.
I felt like a queen (the queen I am ahaha)


4. Location
For our wedding party for just the two of us we knew that we wanted to stay in a hotel that we considered special. 
And so it was, we chose a hotel with a modern concept and all around nature.
We wanted to spend the day and night in the company of each other in nature because it was the only perfect place for us to be.
Maybe the hotel it was where we spent the most money.
And in terms of the environmental impact and our ecological footprint t it was also controlled because we chose a hotel near the conservatory.

5. Photography and Video
This was another risky decision and it was not 100% successful but in fact I would not change my decision if I had to go back.
As I am a person who breaths Image, especially photography, for being part of my life for a long time ... it was my goal to have a memory of the wedding day.
But to maintain the intimacy and extremely personal concept of the wedding I decided that we would be the ones to photograph our wedding.
Through an analog and digital camera we tried (as far as possible) to record and live the special moments.
It was not easy because the weather was not the best to shoot that day.
So a few days later we decided to take the time to photograph together and create a video as a reminder of our wedding. 


Post wedding party?
And finally, a wedding party with family and friends?
Well, we never say never because you never know.
We just know that currently our priorities are focused on our future as a couple and professionally.

About an Eco Wedding ... Not everything was always as we intended and it will not go for sure. We just have to know how to find solutions for what comes up.
But deep down ... it will always be worth it because an Eco wedding is always special and unique.
As well as the feeling that we feel inside knowing that we are celebrating our love but being aware of the environmental impact that a party can have.



(Versão em Português )

Casámos.
Escolhemos fazê-lo apenas nós dois.
Expliquei melhor acerca desta nossa vontade de fazer algo mais intimista e pessoal nesta publicação.

Hoje explico-vos como decidimos criar o nosso Eco Wedding.
Quais os conceitos que adaptamos para concretizar um Eco Wedding com os menores gastos possíveis para o ambiente e automaticamente para nós. 
Bem como, deixo algumas sugestões de menor desperdício que podem ser utilizadas numa festa de casamento habitual. 

1. Convites
Sendo o nosso casamento exclusivamente a dois, convites não foram necessários. 
Mas se algum dia concretizar-mos uma festa de casamento o que faríamos seria rejeitar os convites físicos em papel. Priorizar os convites digitais que podem ser uma ideia bem mais criativa. Pessoalmente, eu arriscaria em criar um video juntos a anunciar o convite. Acaba por ser mais tocante e único. 

2. Look casamento:  



Noivo
O noivo sabia exactamente o que iria vestir no dia do nosso casamento. Reutilizar o seu fato preferido que foi usado em um casamento anteriormente. Apenas faria sentido para o D. vestir o seu fato Hugo Boss em cor azul escuro quase feito à sua medida (pois sofreu alterações). O seu fato preferido que tivemos oportunidade de escolher juntos nessa mesma altura e que sempre lhe ficou perfeitamente bem.   



Noiva
Sempre pensei que se algum dia casasse seria com um género de corpete justo e uma saia grande em tule. Mas nunca foi um pensamento definitivo. 
Saiba que para o dia do casamento não precisava de comprar um vestido de noiva. 
Não queria gastar imenso em um vestido que só iria usar um único dia. 
Pensei e pensei... Pesquisei peças em segunda-mão mas que fossem de encontro ao meu gosto e personalidade e não encontrava nada. 
Até que em 4 dias antes do dia do casamento, decidi arriscar e avançar com a ideia que me surgiu. 
Criar de raiz uma saia grande em tule tal como sempre imaginei que iria usar tule no meu casamento.
Digo-vos, não foi tarefa fácil, não ficou perfeito mas consegui concluir e usar a saia depois do casamento civil. (Kinda proud of myself). 
Mas faltava decidir o que usaria na parte de cima... Nesse mesmo espaço de 4 dias olhei para o meu armário e vi um vestido justo branco que também já tinha usado umas 2 vezes. 
Um vestido justo que quase faz parecer que esse mesmo vestido tem um corpete incorporado nele. 
Não era uma obrigação para mim casar totalmente de branco, até porque pensei em outras cores, mas acabou por ser totalmente um look branco.
No final, acabei por ir vestida tal como sempre imaginei para o dia do meu casamento. 
E o facto de saber que gastei apenas em uns 2 metros de tecido porque reaproveitei tecido em tule que também ainda tinha e apenas foi para desenvolver a saia porque a parte de cima já a tinha no armário.. Saber que realmente foi o menor impacto possível deixou-me imensamente feliz!




3. Flores
Ambos concordamos desde o inicio que não nos faria sentido algum a decoração ser com flores no casamento. Não nos faria sentido deixar morrer imensas flores destinadas a decoração para um único dia. Tal como, também decidi não ter um buquet. Não era algo que me iria trazer valor (embora goste imenso de flores), mas mais uma vez pelo facto de matar a vida das mesmas. 
Mas existia apenas um acessório em que gostava muito de ver flores (falsas é claro).
Escolhi não usar jóias (porque pouco me identifico) mas sim como acessório uma coroa de flores. 
Senti-me uma rainha (a rainha que sou ahaha)

4. Local
Para a nossa festa de casamento a dois sabíamos que queríamos ficar em um hotel que considerássemos especial. E assim foi, escolhemos um hotel de conceito moderno e bem na natureza.
Queríamos passar o dia e noite na companhia apenas um do outro na natureza, porque era o único perfect place. 
Talvez tenha sido no local onde gastámos mais financeiramente. 
E em termos de impacto ambiental ou melhor da nossa pegada ecológica para nos deslocarmos foi igualmente controlada, pois escolhemos um hotel próximo da conservatória. 




5. Fotografia e Video
Esta foi outra decisão arriscada e não foi 100% bem sucedida mas que na verdade não trocaria de decisão se tivesse que voltar atrás. 
Sendo eu uma pessoa que vive Imagem, em especial fotografia, por fazer parte da minha vida há bastante tempo... era meu objectivo ter um registo do dia do casamento. 
Mas para manter a intimidade e conceito extremamente pessoal do casamento decidi que seriamos os dois a fotografar o nosso casamento. 
Através de uma câmara analógica e digital tentámos (dentro do possível) registar e viver os momentos especiais. 
Não foi fácil porque o tempo não estava o mais favorável para fotografar nesse dia. 
Então decidimos mais tarde reservar um tempo para fotografar juntos e criar um video como recordação do nosso casamento. 

Festa pós casamento?
E por fim, festa de casamento com família e amigos? 
Bem, nós nunca dizemos nunca porque nunca se sabe. 
Apenas sabemos que actualmente as nossas prioridades estão focadas no nosso futuro a dois e profissionalmente. 

Acerca de um Eco Wedding... Nem sempre tudo pode correr como idealizamos e não vai correr de certeza. Apenas temos que saber encontrar soluções para o que surgir. 
Mas no fundo... valerá sempre a pena porque um Eco wedding é sempre especial e único. 
Tal como o sentimento que sentimos dentro de nós por saber que estamos a festejar o nosso amor mas sendo conscientes do impacto ambiental que uma festa poderá ter. 

By Ester. Shewalksblog

8 comentários

  1. Muchas felicidades y gracias por compartirlo con nosotros :)

    ResponderEliminar
  2. Muitas felicidades pra vocês.
    Eu nunca conheci ninguém que realizou um casamento nesse estilo, mas achei bem original e econômico.
    Beijinhos!

    galerafashion.com

    ResponderEliminar
  3. Una entrada estupenda ! Gracias por la información! 👌👌👌 Me alegro verte por mi blog , espero verte por allí muy pronto! Feliz domingo! 💓💓💓

    ResponderEliminar
  4. You look amazing! I follow. Nice post. Kisses :*

    ResponderEliminar
  5. I don't want flowers at my wedding, only plants we can take home after the party :)

    ResponderEliminar
  6. Oh who cool you are having an eco wedding and thinking of the environment. So many clever resourceful ideas here. I use to work in the wedding industry. Great!

    Allie of
    www.allienyc.com

    ResponderEliminar